Nesta quinta-feira | O Observatório Autárquico da Universidade Católica Portuguesa CESOP-Local apresenta a Boa Prática “Embaixadores ODS” do Município de Vila Nova de Famalicão no Seminário Inovação & Desenvolvimento Local

Caro Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco, Vila Nova de Famalicão,É com prazer que convidamos V. Exa. a conhecer a Boa Prática “Embaixadores ODS” do Município de Vila Nova de Famalicão na próxima quinta-feira, dia 31 de março, pelas 15 horas.Porque a cultura e o envolvimento da comunidade é decisivo para a promoção dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, na edição de março do Ciclo de Seminários Inovação & Desenvolvimento Local 2022 do Observatório Autárquico CESOP-Local da Universidade Católica Portuguesa para os Territórios Sustentáveis, iremos refletir sobre a importância da “Promoção da Cultura Local para a Sustentabilidade”.Que estratégias pedagógicas podem ser desenvolvidas nomeadamente junto dos mais novos para potenciar gerações vindouras mais conscientes? Que ações e abordagens podem ser adotadas nas estruturas municipais? Como pode uma instituição educativa ter um papel ativo para a implementação, entre outros, do ODS 15?Quem são os “Embaixadores ODS”?Decorrente do seu claro compromisso com os ODS, o Município de Vila Nova de Famalicão encontra-se na linha da frente das boas práticas nacionais e internacionais para o Desenvolvimento Sustentável e no dia 31 de março, irá partilhar connosco os “Projeto ODS: Juntos mudamos o mundo”, vencedor do Prémio Maria José Moura − Boas Práticas em Bibliotecas Públicas Municipais 2020, e o “Projeto Escolar”. Da visão global à ação local, iremos refletir sobre o papel central das Pessoas que habitam um território que se pretende coeso, ecológico, inteligente e desenvolvido, e sobre a premência do seu envolvimento e do seu conhecimento.Num painel composto por cinco oradores, teremos o gosto de contar com as participações do Diretor-Geral da Câmara Municipal de Vila Nova De Famalicão, Vítor Moreira; Ajunto da Presidência, Hugo Mesquita; Dirigente na Divisão Municipal de Bibliotecas e Arquivos, Carla Araújo; Coordenadora do Serviço Educativo e Cultural da Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco, Maria João Silva e de Carolina Ribeiro, Diretora Técnica do Centro de Atividades de Tempos Livres.Em 2021, o Município de Vila Nova de Famalicão conseguiu superar a média nacional, que se situa nos 65.7%, ao atingir um ODS: Juntos mudamos o mundo”, vencedor do resultado global de 69.5% na concretização dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável no seu Índice de Sustentabilidade Municipal (ISM). No quadro da elaboração do Plano Estratégico Famalicão 2022-2030 também alinhado com o ISM, tendo em vista a implementação de uma estratégia de construção e gestão de políticas públicas locais sempre mais inteligentes e sustentáveis centrado nas Pessoas, o Município acaba de lançar o programa participativo “Famalicão.30”, uma ferramenta ambiciosa, resultado de um amplo processo de auscultação à comunidade, que irá colocar os agentes do território dos mais variados domínios a pensar na melhor estratégia para o futuro de Famalicão. O primeiro passo do executivo foi ouvir os mais jovens.Participação no evento através da seguinte ligação: https://videoconf-colibri.zoom.us/meeting/register/tZEpdu2tqTouHdNC0LvZeN6zFELBIjLXNAn2Poderá V. Exa. e prezados interessados, consultar o cartaz e o programa em anexo.Os Seminários Inovação & Desenvolvimento Local – IDL- pretendem ser um espaço de partilha de conhecimento e de debate público sobre as Boas Práticas inovadoras e distintivas dos Parceiros da Rede CESOP-Local, em prol dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030.Contamos consigo.Cumprimentos distintos,Ricardo F. ReisDiretor da Católica-CESOP

Acessos: 13

Fátima Peixoto